Blogs podem ser perigosos

Depois desse boom de blogs de moda, parece que agora é o boom de blogs fitness. Eu acho ótimo quando uma pessoa sedentária resolve mudar os hábitos e seguir uma rotina de exercícios e alimentação saudável, e acho melhor ainda quando se tem acesso à essas informações na internet. Mas uma coisa é uma dica equivocada de moda, e outra, é de alimentação, suplementos e exercícios.


Deixa eu esclarecer uma coisa antes: eu sou sedentária e não tenho interesse de mudar de hábitos. Nunca fiz regime, não sou adepta de exercícios físicos e a única coisa que eu fazia era caminhada, mas sempre respeitando meus limites. Minha alimentação não é nada saudável e eu tenho plena consciência disso, mas cada um que cuide de si, não é mesmo?

Voltando ao foco do post, eu vejo muita blogueira dando dicas de exercícios, dietas e até indicando suplementos pra ajudar quem quer seguir uma vida mais saudável. Eu admiro pessoas que realmente sabem como ajudar as outras a partir de coisas simples, como um blog (não que manter um blog seja a coisa mais simples do mundo, mas vocês entenderam meu raciocínio). Mas algumas, eu vejo que dão muitas dicas, com pouca base. O que eu quero dizer é assim: cada pessoa tem um biotipo e um organismo diferente. Sem contar dos hábitos. Já conheci caso de uma pessoa que viveu até os 16 anos comendo carne vermelha e carne branca, e decidiu cortar tudo de uma vez pra se tornar vegetariana, e acabou adoecendo. Isso é  muito arriscado, e eu acho que não vai só da força de vontade, mas o acompanhamento de um nutricionista é necessário. Assim como uma rotina de exercícios. Eu não quero citar nomes e nem citar blogs, mas acho que não custa dar meu alerta, mesmo que poucas pessoas leiam.

Se você quer emagrecer, manter uma vida mais saudável ou o que quer que seja que altere seu corpo, eu honestamente acho que precisa sim de acompanhamento médico, e no caso de academia, um personal trainner. Ah mas quem tem dinheiro pra pagar um? Fia, se acalma. Nas academias, sempre tem alguém disposto a te ajudar, a acompanhar teus exercícios, e se for necessário, te indicar os suplementos necessários. Óbvio que muita blogueira que ensina receitas com Whey Protein tem a noção de que aquela quantidade não é prejudicial, e na realidade ajuda (quer dizer, eu espero que as fofas tenham essa noção).
Eu acho extremamente perigoso uma pessoa sem instrução dar dicas tão sérias, que podem comprometer a saúde dos leitores. Não são só pessoas bem resolvidas e com cabeça formada que acessam seu blog, tem muita gente novinha e algumas pessoas equivocadas.

Acho que é muito válido esse tipo de blog ganhar espaço, desde que a pessoa tenha instruções, tenha a base pra falar e dar esse tipo de dica. Não precisa ser o profissional em si, mas como a Marina, cujo marido é personal trainner, e com a ajuda dele, conseguiu mudar os hábitos. Eu disse que não ia citar blogs, mas ela pode ser exemplo bom pra muitas pessoas.

Eu não me arrisco a falar nem de moda e muito menos de saúde por aqui, porque não entendo nada. Aliás, o blog não tem foco, e fala de tudo que me agrada. Mas não esperem ver looks do dia por aqui, tá?!

* Sim, a foto que ilustra o post é de Gracy Barbosa, única pessoa que eu tinha certeza que ia ter foto malhando. E adivinha? SÓ ACHEI FOTOS DELA MALHANDO ahahahahha : )

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comentários sujeitos à aprovação.

Topo