Como ir: Em Shows

Você tá com ingresso comprado pra ir num show, mas você quer que tudo dê certo? Lembre-se sempre que isso só acontece quando uma combinação de fatores acontecem também. Mais um guia desse humilde blog pra ajudar você, pobre alma, a não se perder na multidão.

Foto retirada do Instagram @greendayig

Muitos de vocês devem estar pensando "nossa, precisa mesmo fazer um guia pra ir em shows?" e eu respondo: colega, precisa. Não é todo mundo que é viajadão e especialista no assunto (nem eu sou), mas algumas dicas básicas são sempre bem-vindas. Então, pega na mão da tia e vamos lá.



O que levar
Eu não aconselho ninguém a levar mochila. Além de ser um peso a mais (lembre-se que você vai ficar um bom tempo em pé), você acaba se preocupando demais em não ser roubado, atrapalha outras pessoas e toma muito tempo na hora da revista. Sim, na entrada dos shows eles revistam muito bem mochilas e bolsas.

Itens básicos
- Dinheiro, e de preferência trocado, em notas de R$2, R$5 e R$10.
- RG e comprovante de meia-entrada (caso você tenha comprado o ingresso dessa maneira).
- Ingresso (vai esquecer hein, cabeção!).
- Capa de chuva (não deixe pra comprar no show, sai umas cem vezes mais caro).
- Celular.

Eu não aconselho a levar câmera. Alguns shows proíbem a entrada até de equipamentos não-profissionais, além do risco de danificar ou de roubarem a sua câmera. Hoje em dia, os celulares têm câmeras de ótimas resoluções, então, opte por ele. Sempre tomando cuidado com o aparelho, é claro.

Como se vestir
Show significa ficar em pé durante muito tempo, ter que sentar/deitar no chão e lidar com todas as situações climáticas num período curto de horas. Então, a prioridade é o conforto. Sei que parece até imbecil ter que falar isso aqui, mas acreditem, já vi menina de salto agulha em plena pista de show.
Eu opto sempre pelo básico: calça ou short jeans + camisetinha da banda + allstar. Também levo uma camisa, no caso de esfriar. Questão do calçado é primordial, já que é ele quem define seu conforto nas horas de espera do show. Já vi menina ir de botas de cano alto e sair com as pernas assadas, graças ao calor e ao suor. E né, pra que se torturar se equilibrando num salto se você pode usar tênis?
Lembrando que: eu não dito o dress code! Só dou a dica por ser confortável e sempre eficaz. Se você quer arriscar e ir de saia e salto agulha, vai nessa!

Comer, comer
Já fiz a besteira de comprar pipoca (das de microondas mesmo) pra comer esperando show começar, e nunca me arrependi tanto na vida. Deu sede, tive que comprar todos os copinhos de água que passavam (e cada um custava uns R$10,00) e o sal ficou na boca. Também já cometi o erro de comer Hot Pocket que vendiam no evento, e, não façam isso, porque pesa. Minha dica é: água na medida certa o suficiente pra não te fazer querer ir ao banheiro a cada cinco minutos. Pra comer, cada um tem um estômago, e tem quem consiga mandar um dogão completo e não se sentir pesado. Eu indico lanche natural (eu não como essas coisas, assumo, mas é a opção mais leve), ou então, que você se alimente antes de ir pra fila.

Pra quem vai ver show no Credicard Hall: pertinho do local, tem lanches maravilhosos e baratinhos. É bem paralelo mesmo, mas lá dentro, vendem pão de queijo a preço de ouro, então, vale a pena pensar.

Pós-show
Shows costumam ter um público de mais ou menos umas 20 mil pessoas. Agora, imagina todas essas pessoas saindo ao mesmo tempo, por entradas minúsculas. Pois é, dá pânico. O que eu indico é esperar uns 10, 20 minutos pra começar a sair. Isso é tempo o suficiente pra multidão "acalmar" e você conseguir sair com mais tranquilidade. Mas se prepara pra esbarrões, cotoveladas e etc, é típico e às vezes até sem querer.

Espero realmente ajudar quem estava meio perdido, já me senti assim e não tinha ninguém pra me dar dicas, então aprendi 'na raça' mesmo.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comentários sujeitos à aprovação.

Topo